Got My Cursor @ 123Cursors.com
MEU ANIMAL AMIGO: ASSISTÊNCIA MÉDICA PREVENTIVA PARA CÃES

terça-feira, 9 de junho de 2009

ASSISTÊNCIA MÉDICA PREVENTIVA PARA CÃES

A medicina veterinária preventiva pode identificar problemas antes que se tornem graves, economizando tempo e dinheiro. Como funciona a medicina preventiva? É bem parecido com cuidar de seu carro, na realidade. Você verifica rotineiramente o óleo e a pressão do ar nos pneus e leva o carro para manutenção regularmente.
Fazendo a mesma coisa com seu cão - examinando-o em casa semanalmente e agendando um exame veterinário anual e as vacinas - você pode extrair os problemas de saúde de seu amigo e até mesmo prolongar a vida de seu cão.
Visitas regulares ao veterinário.
Quando você leva seu cão em cada ano para um exame no veterinário, ele não apenas lhe dá algumas vacinas e o manda para casa.
Ele faz um exame completo: apalpando o corpo para ter certeza de que todos os órgãos internos parecem normais e não há inchaços ou protuberâncias preocupantes; verificando a condição dos olhos e orelhas; ouvindo o coração e pulmões; verificando o peso e tirando a temperatura. Como os cães envelhecem de modo diferente das pessoas, esse exame físico anual é comparável a um exame físico seu a cada cinco ou seis anos. Isso é especialmente importante se seu cão é de meia idade ou mais velho, pois dá ao veterinário chance de encontrar e tratar problemas de saúde antes que se tornem graves.
Vacinas caninas.
A maioria das pessoas acreditam que as vacinas são boas para um cão e o protegem contra a doença. Claro que estão certas.
Quando os filhotes nascem são protegidos por anticorpos especiais produzidos no leite de sua mãe, mas à medida que envelhecem perdem essa proteção. É por isso que precisam de uma série de vacinas, normalmente começando com seis a dez semanas de idade, para estimular sua própria imunidade contra a doença. As vacinas são repetidas a cada três ou quatro semanas até que o filhote esteja quase com quatro meses de idade.
A partir daí toma vacinas anuais para protegê-lo pelo resto de sua vida. Essas vacinas protegem seu cão da raiva, parvovirose e cinomose e contra outras doenças como hepatite viral, leptospirose, parainfluenza, coronavirose e tosse do canil. Se você mora em uma área onde a doença de Lyme é comum, especialmente se seu cão passa muito tempo ao ar livre, o veterinário pode vaciná-lo contra isso também.
Castração e esterilização
Você pode ficar surpreso em saber que esterilizar uma cadela antes de seu primeiro cio e castrar um macho antes que atinja a maturidade sexual pode evitar muitos problemas de saúde e comportamentais. As cadelas absolutamente não precisam ter uma ninhada (ou um cio) antes de serem esterilizadas. Na realidade, apenas o contrário é verdadeiro.
As cirurgias de esterilização e castração são fáceis de se realizar em filhotes jovens, levando menos tempo e exigindo menos anestesia graças à nova tecnologia e novos medicamentos. Os filhotes jovens se recuperam mais rapidamente que filhotes mais velhos ou adultos, e os benefícios a longo prazo incluem um risco muito menor de desenvolver tumores mamários e nenhum risco de infecções uterinas perigosas ou câncer testicular. Os cães esterilizados ou castrados antes de atingirem a puberdade têm chance muito maior de viver uma vida longa e plena.
Outro mito comum sobre a esterilização e castração é que um cão alterado irá engordar. A verdade é que o ganho e a perda de peso nos cães funciona de acordo com as mesmas regras das pessoas. Muita comida e falta de exercícios - não a esterilização e castração - são o que fazem os cães ganharem peso.
A esterilização e a castração de um cão também têm um efeito positivo no comportamento. Se houver uma cadela no cio praticamente em qualquer lugar, um cachorro não alterado irá saber. Ele irá tentar sair, irá perambular a esmo, marcará sua mobília e outras coisas com urina e pode se tornar excessivamente agressivo. Uma fêmea não esterilizada atravessa a desordem do cio (estro) cerca de duas vezes por ano, durante o qual ela pode também tentar escapar ou se torna mais imprevisível em seu comportamento. Durante a maré baixa e fluxo dessas ondas hormonais, cães esterilizados e castrados são mais consistentes em seu temperamento - o que torna o treinamento mais fácil - ainda que seu zelo em proteger você e sua casa nunca diminuam.
A esterilização e castração têm outro benefício importante que geralmente é ignorado: eles evitam o nascimento de filhotes indesejados. De acordo com a Sociedade Humana dos Estados Unidos, de 25 a 35 milhões de cães são sacrificados todo ano simplesmente por não haver casas suficientes para eles. Mesmo se você deixar seu cão ter uma ninhada e encontrar lares para cada filhote perdido, isso simplesmente significa que há um número igual de filhotes em algum lugar que não conseguem esses lares e acabarão sendo sacrificados.
Seu cão deve ser alterado entre quatro a seis meses de idade, a menos que seu veterinário recomende esperar mais. A esterilização ou castração é um investimento único (muitos abrigos de animais até possuem programas de castração e esterilização de baixo custo), reduzindo drasticamente o risco de várias doenças graves (incluindo alguns tipos de câncer) em seu cão e dobrando a expectativa de vida dele.

Nenhum comentário:

Postar um comentário